Páginas

23 dezembro 2009

Do fundo do meu coração

Meus estimados visitantes, amigos queridos,
Nesta hora em que todos tão facilmente se expressam, devo confessar que não sei muito bem o que dizer. Durante o ano inteiro que está terminando, vim desejando que todos fossem felizes, entendendo que se há males que vem para o bem, então, logicamente, não existem os males — deve ser tudo uma questão de ponto de vista. Falo sério quando digo isso, não porque eu seja uma otimista renitente, mas porque descobri a duras penas (duras, porém coloridas, maravilhosas...rsrs) que não basta acreditar em Deus; há que se confiar que Ele estará olhando por nós e nos ofertando o melhor para as nossas vidas, mesmo que o melhor seja, por um período, apenas aquilo que precisamos, embora não queiramos. Uma geminiana com ascendente em Aquário é por natureza insistente e acredita nos sussurros da intuição. Pois bem: minha intuição insistia em dizer que eu parasse de tentar resolver tudo ao meu modo; de querer pintar o mundo com tintas laváveis; de pensar que o meu sacrifício proveria as soluções. Algo me dizia que as soluções estavam dadas, embora não viessem do meu pensamento crítico e nem da minha ilusão de felicidade. Como somos autoritários em matéria de vida... E como não havia mesmo outro jeito — o beco não tinha saída! — deixei que Deus fizesse o que achasse melhor. Devo confessar que não sem um certo medo de que Ele não tivesse tempo para cuidar de mim, com tantos dilemas mais importantes mundo a fora. Não sei descrever a sensação que tenho ao olhar para trás no tempo, mas deve ser algo como descer em um tobogã de cachoeira e mergulhar de braços abertos lá embaixo, à luz e calor do sol. Talvez... na verdade nunca escorreguei em tobogãs...rsrs. Mas acreditem: daí em diante, percebi que Deus tem tempo para tudo e para todos. Mas tem um detalhe: enquanto estivermos esperneando e maldizendo os acontecimentos, Ele nos vai deixando para depois e vai cuidando de outros. Quando estamos tranquilos e confiantes tudo tende a dar certo mais rápido. Mas basta um chamado nosso e Ele estará ao nosso lado. Dependendo do tamanho das encrencas em que nos metemos e das tolices que andamos fazendo, levará mais ou menos tempo para que tudo se ajeite, mas certamente tudo ficará novamente no lugar. Graças a Deus! Ah! Já ia esquecendo: cuide do seu corpo com atenção — como toda máquina, ele é difícil de consertar e dura pouco se não for bem  utilizado. Cuide do que leva à boca,  mas não esqueça de cuidar, principalmente, do que sai dela.  E isto é tudo o tenho para dar a vocês, pessoas queridas, mesmo que não conheça algumas de vocês. Tudo o que tenho é aquilo que vivi e experimentei. E como acredito que somos todos iguais, quem sabe o que serve para mim também poderá servir para outros? Abram os braços diante do sol, respirem fundo e acreditem que Deus está soprando o ar que te alimenta e mantém a vida; sinta-se um pedacinho do universo que nos abraça a todos; liberte-se dos pensamentos e das culpas, porque Deus não nos culpa jamais. Pare de "querer" e aproveite as maravilhas que já tem! Sorria e confie. Mesmo que não esteja de acordo com sua vontade, tudo estará de acordo com o seu real desejo, que é ser feliz. E o tempo de ser feliz é agora... e sempre.
Feliz Natal!!! Feliz nascer!!! Em 2010 e sempre!!!


Hanna Stael
Joseti Marques

2 comentários:

marcia disse...

obrigada Hanna.. Te desejo o mesmo! E que as bençãos do Natal se multipliquem em 2010, pra você e os seus.
bju

Hanna disse...

Eu é que agradeço a sua presença no Sobretudo! Alegria de blogueiro é receber comentário, né não? Também desejo a você um feliz Natal e a pleninute da percepção dos grandes motivos que você certamente tem para comemorar, em 2010 e sempre!
Beijo.
H.